Comércio justo no Chile: junte-se a nós e nos siga

O comércio justo no Chile teve muito destaque no mês de agosto com o desenvolvimento de diversas atividades. Uma delas foi o Oitavo Simpósio Internacional de Apicultura, desenvolvido em Santiago, Chile, de 12 a 14 de agosto; e contou com a presença de mais de 90 expositores, entre produtores de mel, insumos para a apicultura e distribuidores de máquinas, que se reuniram no evento. A atividade central foi a série de seminários com especialistas nacionais e de outros países como Brasil, Argentina e da União Europeia. De maneira excepcional, pela primeira vez, contamos com um módulo especial de comércio justo, onde se falou da demanda atual e perspectivas para o mel de comércio justo, no mercado internacional.

Os assistentes conheceram, em primeira mão, o trabalho no interior de uma cooperativa apícola com os princípios do comércio justo, os desafios que enfrentam e a procura de mercados para seu produto, nas palavras de Juan Eduardo Henríquez, gerente da Cooperativa Campesina Apícola Valdivia, APICOOP.

No contexto das atividades, foi realizado o Seminário de Estratégias de Influência e Protagonismo para os membros da Coordenadora Nacional do Chile, na cidade de Curicó, nos dias 22 e 23, que foi assistido por sete organizações de produtores do país, resultando na construção da estratégia de influência e protagonismo da Coordenadora Nacional.

Além disso, a Coordenadora realizou reuniões com várias entidades locais, tais como as organizações de agricultores pertencentes à Organização Mundial de Comércio Justo (por sua sigla em inglês WFTO), Órgãos governamentais como ProChile, a Organização de agências das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (por sua sigla em inglês, FAO) e compradores em todo o país. Além disso, no campo da promoção de campanhas de “Ciudades y Pueblos Latinoamericanos por el Comercio Justo” y “Universidades Latinoamericanas por el Comercio Justo” (“Cidades e povos  latino-americanos para o Comércio Justo” e “Universidades latino-americanas pelo Comércio Justo”)  foram programadas reuniões com  Universidad Autónoma de Chile (“Universidade Autônoma do Chile”), sede na cidade de Talca e Municipalidad de Sagrada Familia (Município da Sagrada Família), localizado na província de Curicó